Classificação e Laboratório de Análise
de Serviços Padronizados Ltda. - EPP

Serviços

O Laboratório

O Laboratório da CLASP, tem como missão “Ensaios e Análises em produtos de origem vegetal e seus subprodutos, com qualidade, seguindo as legislações específicas, visando atender as partes interessadas, agindo de forma eficiente, assegurando a real qualidade dos serviços prestados.”

Classificação vegetal

O que é a classificação?

É o ato de determinar as qualidades extrínsecas e intrínsecas de um produto vegetal, seus subprodutos e resíduos de valor econômico, com base em padrões oficiais do Ministério da Agricultura.

Padronização dos produtos de origem vegetal

É a atividade que tem por objetivo o estabelecimento de modelos-tipo, físico ou descritivo, por produto vegetal levando-se em conta a identidade, seu emprego, forma, cor, peso, tamanho, apresentação e qualidade. A qualidade é a preocupação nº 1 da CLASP Classificação.

Importância no controle da qualidade dos produtos

As análises físicas e físico-químicas realizadas pelo Serviço de Classificação, têm por objetivo o controle de qualidade de produtos de origem vegetal para garantir a oferta de alimentos saudáveis ao consumidor e matérias-prima com qualidade. + detalhes

Consultoria aos clientes

Trabalho de consultoria aos clientes no tocante a legislação que envolve o serviço de classificação vegetal.

Perícia

Nossos colaboradores realizam trabalhos periciais a fim de atestar padrões da classificação vegetal em casos específicos de discordância da análise inicial apresentada ou requisição por parte interessada na prestação deste serviço.

Capacitação, qualificação e treinamento em classificação vegetal

Contamos com um corpo técnico formado por instrutores (professores) e classificadores habilitados pelo MAPA que estão em constante processo de melhoria e atualização nas normas específicas vigentes. + detalhes

Vantagens da Classificação


  • 1. Auxiliar na comercialização de produtos destinados à alimentação humana;
  • 2. Possibilitar a seleção de produtos para diferentes usos, em função da qualidade, com diferenciação, de preços e redução de despesas na comercialização;
  • 3. Possibilita a comercialização sem a presença física do produto, mediante apresentação do certificado de classificação;
  • 4. Evita a comercialização de produtos inadequados ao consumo humano e
  • 5. Proporciona subsídios aos órgãos públicos e privados de pesquisa e assistência técnica, contribuindo para melhoria da produção.

Estratégias para acompanhar o mercado, visando obter a excelência e a melhoria contínua